Sexta, 08 Fevereiro 2019 11:44

Famílias paraenses

Escrito por
Avalie este item
(0 votos)

Lindo o artigo de hoje de Edyr Augusto Proença no Diário do Pará, dedicado a Celeste Magno Camarão Proença, sua mãe, poeticamente em trissílabos. Edyr devia transformar essa memória de origem familiar num livro. Teria muita história boa e marcante para contar aos seus leitores. Recado que já dei ao Ronaldo Machado Coelho e, espero, algum dia ele seguirá. São episódios, na mansarda do pai, o mestre Machado Coelho, tão pitorescos quanto os da família de Edgar e Edyr Proença, filhos e netos com os mesmos nomes dos antepassados.

Ler 127 vezes

Comments fornecido por CComment