Sexta, 08 Fevereiro 2019 11:36

Rio: no fim

Escrito por
Avalie este item
(0 votos)

Entre Veneza, São Francisco, Nápoles e Rio de Janeiro, as mais belas cidades que conheci na minha vida (todas litorâneas), não por patriotada, sempre considerei o Rio de Janeiro a mais bonita de todas. Visitei-a logo depois que ela perdeu a condição de capital federal e nela morei quando ela ainda era realmente maravilhosa. Acho que em nenhum outro lugar do planeta se vivia melhor do que na zona sul da cidade, entre os anos 1950/60.

Desde Brasília, em 1960, o Brasil tem maltratado o Rio. De miragem de ideal, a cidade, deixada no vácuo resultante da perda da condição de capital nacional, foi sendo ocupada por linhagens criminosas, algumas usando mandato eletivo como arma e outras, as mais audaciosas e, hoje, as mais poderosas, um fuzil. Em três dias, o Rio sofreu uma tormenta natural, a morte de 10 jovens atletas numa caixa de metal que pegou fogo e 13 pessoas mortas num tiroteio.

O Rio que a natureza pródiga concedeu aos brasileiros está no fim. Por culpa dos brasileiros.

Ler 212 vezes

Comments fornecido por CComment