Segunda, 13 Maio 2019 17:01

O apito do trem

Escrito por
Avalie este item
(0 votos)

Três décadas depois de ter entrado em operação, Carajás continua produzindo apenas – e cada vez mais – minério de ferro bruto. A usina de placas de aço que disputou com o Maranhão se foi para o Ceará. Agora se anuncia que a Vale, principal controladora do empreendimento, com seus sócios da Coréia do Sul, vai expandir a siderúrgica de Pecém com investimento de um bilhão de dólares.

No ano passado, a fábrica cearense atingiu a sua produção máxima, de três milhões de toneladas. Nós continuamos a ouvir o apito do trem que leva para fora do Brasil o melhor minério de ferro do planeta. É um caminho sem volta, já que minério não dá duas safras.

Se é que ainda ouvimos e vemos alguma coisa que realmente importa.

Ler 50 vezes
Mais nesta categoria: « O caminho perdido Horizonte ruim »

Comments fornecido por CComment